Perdeu a senha? Registar

Hematologia e Oncologia, 18, junho de 2017

“Julgo que por haver em Portugal uma especialidade de Imuno-Hemoterapia há uma melhor harmonização a nível nacional, ao contrário, por exemplo, do que sucede em Espanha, cuja realidade, por não haver essa especialidade é, muito mais heterogénea”. A opinião é partilhada pela Dr.ª Helena Gonçalves, numa entrevista longa que pode ler nesta edição da Hematologia e Oncologia. Embarque também numa viagem pelo Serviço de Hematologia Clínica do Hospital de Santo António dos Capuchos, uma referência no tratamento de leucemias e de linfomas mais agressivos na zona sul do país. Estes e outros temas na nova edição da revista Hematologia e Oncologia.

Store
Registo

Se já é utilizador registado faça o seu login. Se ainda não é Cliente, faça por favor o seu registo.

Títulos relacionados